Carlos Castelo

Carlos Castelo

Carlos Castelo é escritor e letrista. Lançou onze livros, entre eles o romance policial Damas turcas (Global), a coletânea de crônicas Clássicos de mim mesmo (Matrix) e o volume de máximas e aforismos Orações insubordinadas (Ateliê Editorial). Também é colunista do jornal O Estado de São Paulo (Crônica por quilo) e escreve crônicas e resenhas sobre livros na revista Bravo!

Pelo autor

Matérias

Juó Bananére, o lustrissimu ridattore du Pirralhu

por

Lembro-me bem. Foi no ano de 1979, num sebo perto do viaduto do Chá. Eu estava com meu colega de […]

Humor

Meulogismos: palavras que não existem, mas que deviam estar nos dicionários

por

ilustrações de Bruno Maron ACUPUMTURISTA: também chamado acuflatoísta, é um especialista em medicina chinesa que cuida especificamente da flatulência e […]

Humor

Meulogismos

por

Palavras que não existem, mas que deviam estar nos dicionários ilustrações de Bruno Maron ALCÓLITO: ajudante de serviços que trabalha […]

Memória e sociedade

Lapa, as jabuticabas de Tarsila e um bom sujeito

por

Se depois de tanto tempo de conhecimento mútuo ainda sobra motivo para um abraço de verdade, é porque no mínimo […]

Entrevista

Luis Fernando Verissimo: “aforismo é um ‘insight’ que faz sucesso”.

por

Dá para notar pelo livro Verissimas que você é um cultor do gênero aforismo. Eles saem de um planejamento, isoladamente, […]

Literatura

Literatura para tempos líquidos e incertos

por

Não há povo que não tenha cultivado algum tipo de expressão sintética e afiada. São infinitos exemplos. O provérbio é […]

Literatura

Os olvidados

por

Minha ideia de literatura sempre esteve ligada a descobrir autores que os outros não liam. Não por exclusivismo ou esnobismo […]